com o apoio MEO
Fibra à máxima velocidade desde €29,99/mês aqui

No sorteio da Champions, à segunda é de vez

Marta Pedreira Mixão
Marta Pedreira Mixão

Se assistiu ao primeiro sorteio dos oitavos de final da Liga dos Campeões, esta segunda-feira, esqueça tudo o que viu, já que este ficou marcado por aquilo a que se pode chamar uma “grande trapalhada”, com os apresentadores a sortearem equipas que estariam impedidas de se defrontar.

Devido a condicionalismos impostos pela competição, as equipas que já se defrontaram na fase de grupos, bem como da mesma federação nacional, não podem medir forças nos oitavos de final. No entanto, não foi a isso que assistimos no primeiro sorteio de hoje, realizado durante a manhã.

O sorteio ditou o confronto entre os adversários do Grupo F Manchester United e Villarreal, uma “pequena” falha que acabou por ser reparada em cima da hora. Para resolver o problema, foi retirada uma nova bola e saiu o Manchester City como adversário do Villarreal.

No entanto, a confusão continuou, já que depois os red devils ficaram de fora do pote e não foram colocados como possíveis adversários do Atlético Madrid, tendo sido colocada a bola do Liverpool, que, por sua vez, não poderia ser adversário do Atlético de Madrid, já que ambos se tinham cruzado na fase de grupos. Assim, à equipa de Simeone acabou por calhar em sorte o Bayern Munique e o clube contestou o sorteio.

Perante os erros no sorteio da manhã e os protestos do Atlético, a UEFA emitiu um comunicado no qual justificou que os erros se deveram a um problema técnico com o software de um prestador de serviços externo. O primeiro sorteio foi assim declarado nulo e foi decidido que o melhor era "baralhar e voltar a dar".

No primeiro sorteio, a sorte ditara que o Benfica enfrentaria o Real Madrid e o Sporting a Juventus.

Pouca sorte para os leões, que com o novo sorteio ficaram a saber que vão defrontar os ingleses do Manchester City, atuais líderes da Premier League, e onde jogam os portugueses Bernardo Silva, João Cancelo e Ruben Dias. Espera-se assim um duelo entre os campeões das respetivas Ligas.

Assim, dez anos depois, leões e citizens voltam a defrontar-se, desta vez na Liga dos Campeões. Em 2011/2012, os portugueses eliminaram os ingleses nos oitavos de final da Liga Europa, com um golo de calcanhar de Xandão. Se, em teoria, o resultado do sorteio pode parecer complicado, para os mais supersticiosos pode ser um bom presságio, já que, na mesma época, o Sporting de Sá Pinto chegaria às meias finais da Liga Europa.

Já o Benfica defrontará o Ajax, que jogou contra os leões na fase de grupos. Esta partida marca o reencontro de dois clássicos do futebol europeu que procuram regressar ao topo da Europa.

A formação comandada por Jorge Jesus joga o primeiro jogo na Luz, a 23 de fevereiro, e o segundo em Amesterdão, a 15 de março.

Já o ‘onze’ de Rúben Amorim começa em Alvalade, a 15 de fevereiro, e realiza o segundo jogo em Manchester a 9 de março.

O novo sorteio ditou ainda que os campeões austríacos, RB Salzburgo, vão afinal defrontar os campeões alemães, Bayern Munique; os campeões espanhóis, Atlético Madrid, jogam contra o Manchester United de CR7; os atuais detentores da Liga Europa, Villarreal, enfrentam a Juventus; o campeão de Itália, Inter de Milão, vai bater-se com o Liverpool e o "jogo grande" será o Paris Saint-Germain, de Messi, contra o Real Madrid.

Há um único jogo que se "repete" do primeiro sorteio para o segundo, que é o Chelsea, atual detentor da Liga dos Campeões, contra os atuais campeões franceses, Lille.

Mas, se o sorteio da Champions foi marcado por “trapalhadas”, na Liga Europa tudo decorreu sem incidentes e, das equipas lusas, o FC Porto e Sérgio Conceição reencontram a Lazio no play-off de acesso aos oitavos, enquanto o Sporting de Braga vai medir forças com o Sheriff, de Tiraspol, na Moldávia.

O FC Porto reencontra a Lazio, equipa da qual tem boas recordações, uma vez que eliminou os italianos nas meias finais da antiga Taça UEFA - competição que viria a vencer no mesmo ano com José Mourinho à frente dos ‘dragões’. Já Sérgio Conceição foi campeão italiano como jogador pelos transalpinos, tendo alinhado pelo clube de Roma em 1998/99, 1999/2000 e na primeira metade da época de 2003/04, antes de regressar aos ‘azuis e brancos’.

Nos play-offs da Liga Europa, destaca-se o confronto entre o FC Barcelona, afastado pelo Benfica da Liga dos Campeões, e o Nápoles.

O Sevilha medirá forças com o Dínamo Zagreb, enquanto o Olympiacos, atual campeão grego treinado pelo português Pedro Martins, enfrenta a Atalanta e o Leipzig, de André Silva, é adversário da Real Sociedad.

Os outros embates colocam frente a frente o Zenit e o Betis, de William Carvalho, e o Borussia Dortmund, de Raphaël Guerreiro, ao Rangers.

Os vencedores destes play-offs, seguirão para os 'oitavos' onde defrontarão os já qualificados vencedores da fase de grupos.

Fecha-se assim, de vez, o quadro de jogos das competições europeias que regressam em fevereiro.

Jornais do dia

  • Correio da Manhã
    Correio da Manhã
    13 Dezembro 2021
  • A Bola
    A Bola
    13 Dezembro 2021
  • Jornal de Notícias
    Jornal de Notícias
    13 Dezembro 2021
  • Record
    Record
    13 Dezembro 2021
  • Jornal i
    Jornal i
    13 Dezembro 2021
  • O Jogo
    O Jogo
    13 Dezembro 2021

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa , as nossas notificações ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.
mookie1 gd1.mookie1