• Terceira Guerra Mundial em Portugal?
    A tensão entre potências aumenta. A comunidade internacional aguarda com receio. Será que estamos na iminência de uma Terceira Guerra Mundial? Espero que não, mas a verdade é que há anos que têm saído teasers e ainda estamos todos à espera de uma dat
  • O meio mediano dos subsídios
    Cenas (e mecenas) importantes: sou totalmente a favor dos apoios, públicos e privados, à cultura. O Orçamento de Estado não deve apenas sacudir a toalha de migalhas para a Cultura comer, mas também ajudaria à legitimação disto tudo que o meio artísti
  • Tuk-tuks, triciclos do demo
    Estamos em 2018. Todo o Mundo parece empenhado em abraçar as inovações nos transportes. Automóveis elétricos, carros sem condutor, drones táxi. Todo o Mundo? Não! Uma aldeia povoada por irredutíveis operadores turísticos resiste ainda e sempre a envi
  • Feliciano letivo
    Pode ser embirração minha, mas considero que qualquer pessoa que se queixe de estar a ser vítima de uma cabala, à partida, pela mera utilização do vocábulo, parece-me pouco provável que esteja inocente. Será uma palavra que se ensina logo nas camadas
  • Piçarra deve desistir
    Não sou um fã do Festival da Canção. Nunca foi um formato que acompanhasse, muito menos que seguisse com fervor, e nem a surpreendente e refrescante vitória de Salvador Sobral no ano passado me tornou num consumidor desse concurso. Compreendo a sua i
  • Delivery de tudo
    Nos dias de hoje, pelo menos numa das grandes cidades, cada vez mais jantar efetivamente fora se tem tornado num esforço escusado. Surgiram, nos últimos meses, uma série de alternativas que nos permitem solicitar a entrega na residência de uma miríad
  • E se Lisboa sofresse um sismo a sério?
    Ninguém consegue prever quando é que vai acontecer o próximo sismo em Lisboa, mas um dia irá efetivamente acontecer. Conformemo-nos em relação ao facto de que, mais dia, menos dia, o Planeta Terra vai exibir uma coreografia de kuduro progressivo mesm
  • Bruno de Carvalho, o stand-up não é para si
    Olá, Bruno, como está? Dormiu bem? Espero que com todos os olhos fechados. Ora, segundo interpretei das suas palavras na conferência de imprensa desta segunda-feira, o Bruno, no improvável cenário de ser corrido do Sporting, considera enveredar por u
  • E que tal não ver má televisão?
    E aquele programa extremamente polémico com crianças que não se portam lá muito bem que é emitido no canal que se encontra na posição raiz quadrada de nove da grelha? Não vi. Podemos manter isto assim? Ou vão continuar a oferecer ao formato tanta pub
  • Conto erótico em 2018
    Eram 4 da manhã e tinha ido parar à discoteca. Aproximei-me dele porque estava encostado ao balcão, como eu, recusando-se a dançar ao som de uma playlist pejada de hits que objetificam o corpo feminino. Olhei para ele, tinha aquele ar de quem surpree
  • Ano novo, procrastinação nova
    Concluídos os balanços lisonjeiros do ano que cessou, gizam-se otimistas planos de ataque aos próximos 365 dias. Após mais um ano de expetativas megalómanas tendencialmente defraudadas, é agora altura para elencar, preferencialmente em bullet points,
  • O Natal dos vintes
    O Natal já não é para a minha idade. Não é que a época se tenha tornado absolutamente desprovida de significado, mas claramente deixaram de apelar ao meu target. O Natal é sobretudo uma relação de partilha emocional entre as pessoas dos 0 aos 15 anos
  • Maçães, herói dos totós
    Tal como eu, Bruno Maçães não tem cara de quem envia retratos de nabo. Aliás, Bruno Maçães tem inclusivamente cara de quem menciona o seu ódio a imagens de pénis não-solicitadas para ganhar a aprovação de mulheres saturadas de machos alfa. Bruno Maçã
  • A Bíblia decide, está decidido
    O Tribunal da Relação do Porto (TRP) está numa relação complicada com a contemporaneidade. Recorrendo a versículos bíblicos, um acórdão deste mês rejeita o recurso do Ministério Público, mantendo a pena suspensa para um homem que agrediu a mulher, qu
  • O videoárbitro do politicamente correto
    “Estou sim, bom dia!” “Estou?” “Fala da Inquisição?” “Sim, er..., quer dizer, estamos meio que fechados.” “É que eu tinha aqui um livro que considero que não devia ser disponibilizado ao público...” “Pois, nós agora já não tratamos disso.” “Então, vo

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa , as nossas notificações ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.
mookie1 gd1.mookie1